Publicado em Deixe um comentário

A importância de ter uma boa alimentação

Primeiramente é importante lembrar que cada ser vivo possui corpos diferentes, mesmo que parecidos, são corpos distintos. Cada um com sua especificidade e diferenças. Entre nós, humanos, também existem muitas diferenças físicas, biológicas e de estilo de vida, portanto, é errado ditar “regras” principalmente quando falamos de alimentação. O que buscamos comunicar aqui é a importância de você conhecer seu corpo, reconhecer seus ciclos, suas necessidades e o que funciona ou não para você.

Tem apenas uma regra que precisa ser seguida com disciplina e determinação: hidrate-se! 70% do nosso corpo é constituído por água. Precisamos manter o nível de água elevado no nosso corpo, a desidratação pode até parecer um problema banal mas é uma doença grave que, por falta da água, também caracteriza a baixa de sais minerais e isso pode afetar o funcionamento dos nossos órgãos.

A água é o principal solvente do organismo, possibilitando a ocorrência das reações químicas; é pela água que são transportados os nutrientes, moléculas e outras substâncias orgânicas; é essencial em processos fisiológicos, desde a digestão até a absorção e excreção de substâncias; atua como lubrificante nos processos de mastigação, deglutição, excreção e nas articulações, entre outros; auxilia na regulação da temperatura corporal; é necessária para o bom funcionamento dos rins, intestino e sistema circulatório; mantém o equilíbrio dos líquidos corporais. 

Todos os alimentos contêm água, uns mais, outros menos. As melhores fontes de água são: a própria água, que deve ser tratada adequadamente; os alimentos líquidos, como leite, sucos e bebidas, e os alimentos sólidos como verduras, frutas e carnes. A quantidade ideal de água que devemos ingerir a cada dia depende do clima, da atividade física, do estado fisiológico, da faixa etária e da dieta seguida por cada um. Mas a recomendação geral é de dois litros de água por dia.

Nossos organismos funcionam de formas diferentes e em velocidades diferentes, saber o que vai funcionar para você é um processo de autodescobrimento intenso. Você precisará explorar suas percepções, anotar resultados e perceber como se sente com cada mudança que você faz.

Existe uma relação direta entre nutrição, saúde e bem-estar físico e mental. Uma boa alimentação tem um papel fundamental na prevenção e no tratamento de doenças. Hipócrates já afirmava: “que teu alimento seja teu remédio e que teu remédio seja teu alimento”. O equilíbrio na alimentação é de extrema importância para manter sua mente e corpo saudáveis e assim, aumentar sua performance em todos os campos da vida.

Alimentação saudável e balanceada pode ser resumida por três princípios: variedade, controle e equilíbrio. Variedade: é importante comer diferentes tipos de alimentos pertencentes aos diversos grupos. Controle: não se deve comer nem mais nem menos do que o organismo precisa; é importante estar atento aos excessos. Equilíbrio: o ideal é consumir alimentos variados e com qualidade, ou seja, “comer bem de tudo um pouco”.

Os alimentos são divididos em seis grupos básicos:

Grupo dos pães, cereais, massas: Esses alimentos são responsáveis pelo fornecimento da energia para o nosso organismo e por isso devem ser consumidos em maior quantidade.

Grupo dos vegetais e frutas: Chamados de alimentos reguladores, eles são muito importantes pois fornecem todas as vitaminas e minerais de que precisamos. Além disso, também são ricos em fibras. 

Grupo do leite e derivados: São importantes fontes de cálcio. 

Grupo das carnes, feijões, ovos e nozes: O principal nutriente deste grupo é a proteína, essencial para o reparo e construção de todos os tecidos do nosso organismo. Prefira as carnes magras, o frango sem pele e o peixe sem couro. O melhor é comer carnes assadas, cozidas ou grelhadas. 

Grupo dos açúcares e gorduras: Este grupo é composto pelos alimentos que devemos consumir em menor quantidade.

Alimentar-se de maneira correta, consciente e nutricionalmente rica é um dos pilares de uma vida em equilíbrio, com plena saúde física e mental. A alimentação proporciona equilíbrio ao corpo, diminui os riscos de infecções ou inflamações, além de aumentar a imunidade e defesa do organismo. Associado a exercícios físicos, boas horas de sono e hidratação adequada, a consciência sobre o que você come pode proporcionar saúde e completo bem-estar físico, mental e emocional.

Todo esse conhecimento faz também relação com os princípios da Ayurveda que é uma medicina completa. Ela olha para o indivíduo desde a forma de se alimentar, sua rotina, meditação, exercícios físicos e a saúde espiritual. São determinadas “boas práticas” para aumentar a performance do corpo e por isso é entendido que cada corpo, cada pessoa é formada por substâncias diferentes. Estas substâncias refletem os humores, metabolismo e formação corpórea da pessoa, são mecanismos que governam nosso fluxo de inteligência e de energia que flui pelos nossos chakras.

Os tratamentos feitos pela Arcanjoterapia condensa todos esses conhecimentos para promover maior bem-estar para todos, limpando e equilibrando a energia vital que sustenta nosso corpo. Entre em contato com um Arcajoterapeuta e marque uma consulta para melhorar sua saúde.

ATENÇÃO! É importante lembrar que a alimentação desequilibrada pode levar ao aparecimento de carências nutricionais. E a suplementação desses nutrientes só deve ser feita sob orientação de um nutricionista ou médico nutrólogo. Isso porque o excesso de alguns nutrientes é eliminado na urina ou nas fezes, mas outros podem ficar acumulados e serem tóxicos ao organismo. 

Escrito por: Equipe Arcanjoterapia

Publicado em Deixe um comentário

7 técnicas para aumentar seu foco e sua produtividade no trabalho

Já reparou que ultimamente parece que o tempo está passando mais rápido? Que os meses acabam num piscar de olhos? Que mal conseguimos apreciar as pequenas coisas da vida? A rotina que estabelecemos tem exigido demais do nosso corpo, e muitas vezes se torna intensa e exaustiva. O excesso de informações que são disponibilizadas para nós a todo o tempo, acarreta na falta de foco e organização no nosso dia a dia, resultando em baixa produtividade e insatisfação para quando precisamos produzir.

Na busca por uma melhor qualidade de vida, devemos estar alinhados em todas as áreas, inclusive na profissional. Você já teve a sensação de ter perdido um dia inteiro de trabalho por ter se distraído no celular ou se irritado por algo que aconteceu? Quando isso ocorre está direcionando um tempo valioso de produção para fatos externos. 

A autodisciplina é fundamental para o desenvolvimento e organização pessoal. Ao buscarmos métodos que nos ajudam a eliminar hábitos nocivos e proporcionar maior bem estar, estamos dando o primeiro passo para construir uma vida descomplicada, leve e produtiva. 

Comece pela organização. Há quem diga que consegue se entender na própria bagunça, porém a falta de organização, principalmente no ambiente de trabalho, indica ao nosso cérebro que a desordem é algo comum. Procure deixar seu ambiente mais organizado e com menos coisas no seu campo de visão para aliviar a quantidade de informações visuais.

Liste suas atividades, assim você consegue visualizar suas tarefas, definir uma ordem de prioridade para elas e definir horário para realizar cada item – evitando estresse e ansiedade ao longo do dia. Quando estiver se organizando, adicione comentários e observações que poderão facilitar a realizar cada tarefa. 

Estabeleça metas. Essa é uma etapa importante, quando você sabe onde quer chegar, o caminho a ser percorrido fica mais fácil de ser visualizado e você pode perceber o que precisa desenvolver ou organizar para chegar aonde deseja. Estabeleça suas metas e as use como motivação. 

Gerencie o seu tempo online. Ao mesmo tempo que a internet é uma ótima ferramenta, ela pode se tornar inimiga da sua produtividade. O tempo que dedicamos às redes sociais deve ser observado e administrado para que o foco não se perca no processo. Hoje em dia existem diversos aplicativos que nos ajudam a estabelecer esses limites de uso e até bloqueiam seu celular se você excede o tempo pré estabelecido.

Adote métodos para manter o foco. Entenda como seu corpo funciona, saiba que manter a atenção 100% do tempo em algo é desgastante para o nosso cérebro. Crie o hábito de pausas curtas para se hidratar, alongar ou apenas mudar de tarefa, essas pequenas atitudes auxiliam na sua produtividade.

Cuide da sua alimentação. Tudo fica mais fácil quando nosso corpo está nutrido e saudável, além de ser essencial para quem busca aumentar a qualidade de vida. Os cuidados com a alimentação devem ser em relação aos alimentos que ingerimos e também como ingerimos. Nunca deixe de se alimentar, o nosso corpo precisa de energia ao longo do dia. Procure ter disponível snacks e frutas para comer entre as grandes refeições. 

Pratique meditação. Meditar nos auxilia em diversas áreas da vida. Quando adotamos a prática, estamos nos conectando com o nosso Eu Interior e aprendendo a lidar com sentimentos e emoções. Ao entrar em um estado meditativo, estamos trabalhando nossas habilidades de foco e concentração, além de limpar a mente dos problemas cotidianos e melhorar a respiração.

Procure se observar e cuidar com mais carinho do seu corpo, mente e alma. Os Arcanjoterapeutas estão aqui para te auxiliar na sua vida, buscando sempre melhorar sua saúde e bem estar!

Escrito por: Equipe Arcanjoterapia